Buscar

Esteja inconformado!

#inconformado


O inconformismo, conforme o dicionário Oxford, pode ser definido como:


  1. Tendência, atitude ou procedimento de inconformado, de quem não aceita condições ou situações incômodas, ou desfavoráveis.

  2. Tendência ou atitude de não se acatar passivamente o modo de agir e de pensar da maioria do grupo em que se vive.

O inconformismo parece ser uma palavra dura, de revolta, e com carga negativa em sua pronúncia, pensamento ou leitura. O ato de não se conformar ou não ter o pensamento favorável sobre algo pode ser a força motriz (ou energia) que falta para mudar algo.





Pois aqui eu tenho um convite! Esteja inconformado com o que você sabe, com o tamanho de informações que você tem agora, seja curioso, dê um passo a mais, saiba o que você não sabe. E está tudo bem, reaprenda a aprender.


A evolução do aprender, passa primeiro por aceitar que o ainda não se sabe sobre esse tema. Dada a causa raiz, o inconformismo lhe entrega duas opções. A primeira é aceitar, e converter em conformismo, e está tudo bem não querer aprender sobre algo, ou evoluir sobre algo. Isso é uma escolha sua e se seu "EU" do futuro entender que não foi uma escolha errada, você continuará vivendo bem, existem tantas outras escolhas para se fazer.


A segunda e desafiadora é mudar! SER CURIOSO, e buscar respostas que você talvez ainda não tenha capacidade total para criar as perguntas. Apaixone-se pelo processo, afinal de contas como disse o homem mais rápido a completar uma maratona até 2022. Eliud Kipchoge, "O melhor momento para se plantar uma árvore foi a 20 anos atrás, a outra grande oportunidade é hoje". Você sempre tem que começar, e o começo está em treinar você mesmo para fazer acontecer, e se começa por buscar respostas.


E como Escola Sincera, é algo que não está nos livros. É algo que não está no programa de educação tradicional, talvez esteja em uma ou outro método de aprendizado, mas não de forma declarada, de forma que você vivencie, experimente. Mas a maturidade que você terá no momento do aprendizado somado a rebeldia da juventude poderá te cegar sobre a razão do aprendizado.


E aposto, que você que está lendo este conteúdo, ultrapassou a barreira dos 25 anos. Somos bons questionadores enquanto criança, perdemos esta essência na rebeldia ou nos é reprimida. Quanto voltamos, passaram-se ao menos 10 anos. Longos 10 anos sem praticar aquilo que muda dúvidas, fazer perguntas! Até porque, quando crianças, você deve ter ouvido:


- Menino, você pergunta de mais!

- Deixa de ser curioso(a)!

- A curiosidade matou o gato!

- Isso é pergunta que se faz?


"Mentes reprimidas são encolhidas,

encaixadas em caixas e até exauridas

até onde entende, onde se esconde

a verdade ou a dúvida escolhida

mas em uma resposta fora

suprimida."


Paulo Morais



16 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo